Dúvidas

O que é uma trading?

Tradings são corporações especializadas em auxiliar empresas dos mais diversos segmentos nos processos de importação e exportação, providenciando todo o planejamento documental tributário e fiscal para as operações. Além disso, também negociam taxas de câmbio e de juros para as empresas contratantes.

Qual a vantagem de contratar uma trading?

A principal vantagem de trabalhar com uma trading é a redução de custos e de preocupações com os processos de importação e exportação. A empresa terceiriza o serviço, deixando à cargo da trading contratada os trâmites burocráticos, as pesquisas por oportunidades e os planejamentos orçamental, tributário, documental e financeiro da operação. Dessa forma, a contratante diminui custos com essa etapa dos negócios e fica livre para se dedicar à sua atividade-fim.

Tradings vendem mercadorias importadas?

As tradings não vendem mercadorias, pois não são empresas de comércio, e sim de serviço. A trading pode, eventualmente, comprar o material no exterior e revendê-lo ao cliente, mediante contrato preestabelecido. Mas isso não significa que as tradings funcionam como lojas ou pontos de comércio: elas se dedicam exclusivamente a prestar serviços para auxiliar empresas a lidar com os trâmites e planejamentos necessários ao comércio internacional.

Quais os serviços fornecidos pela WM Trading?

Somos uma empresa especializada em serviços para importação, exportação e distribuição de mercadorias. Auxiliamos empresas a cumprir as exigências documentais burocráticas e alfandegárias para praticar o comércio internacional. Realizamos planejamento tributário documental logístico e financeiro, para que as empresas obtenham resultados positivos em suas operações. Buscamos reduzir os gastos com tributos, taxas e custos logísticos, bem como o tempo de espera pela chegada da mercadoria.

Como é realizado o processo de importação?

Primeiro é preciso calcular os impostos que recaem sobre a importação, por meio da classificação de mercadorias, que revela as condições da encomenda: se é tributada ou ex-tributária, se está sob regime de salvaguarda, se possui benefícios aduaneiros de algum acordo internacional etc. Depois de obter a classificação e os impostos, é preciso fazer registro no Rastreamento da Atuação dos Intervenientes Aduaneiros da Receita Federal (Radar). Para isso, é necessário solicitar ao vendedor a Fatura Proforma, também conhecida como Proforma Invoice, um documento com as principais informações sobre o produto. Assim que a carga chega ao país, é necessário fazer a Declaração de Importação e pagar os impostos. Se tudo estiver de acordo, é preciso emitir a nota fiscal e buscar a mercadoria, o que pode ser feito de diversas formas, dependendo do porto ou da modalidade de transporte escolhida.

O que é preciso para começar a importar?

Para importar, sua empresa precisa ter cadastro no Ambiente de Registro e Rastreamento da Atuação dos Intervenientes Aduaneiros da Receita Federal (Radar). Após o cadastro, a Receita Federal habilita sua empresa a praticar comércio internacional, porque as operações do comércio serão registradas no Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex). É preciso também obter o Registro de Exportadores e Importadores (REI), emitido pela Secretaria de Comércio Exterior, mas ele é feito automaticamente depois de a primeira importação ser registrada no Siscomex.

O que é importação por encomenda?

Importação por encomenda é uma operação em que uma empresa importa as mercadorias para serem posteriormente vendidas à empresa que realizou a encomenda. Essa compra posterior é combinada por meio de contrato entre as partes. É preciso que ambas comprovem capacidade financeira para adquirir as mercadorias importadas, e tenham os CNPJs vinculados ao Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex), antes da operação.

O que são operações por conta e ordem?

As operações de conta e ordem de terceiro vinculam uma importadora e uma empresa adquirente para realizar a importação. A trading será a empresa importadora e o cliente, a adquirente. A trading realiza a importação como prestadora de serviços, porque utilizará recursos do adquirente na operação. Para isso, a importadora e a adquirente devem estar habilitadas no Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex), entre outras exigências legais. Obtidas as permissões, a importadora cuidará de todo planejamento logístico, documental, tributário, cambial e financeiro da operação.

O que são operações door to door?

Operações door to door (porta a porta) são operações logísticas nas quais a mercadoria é recolhida no estabelecimento do fornecedor estrangeiro, trazida para o país, nacionalizada e então entregue à porta do importador. O processo inclui todas as etapas esperadas: negociação, aquisição, embarque, processo documental, burocrático e fiscal para nacionalização da carga, transporte em território estrangeiro e nacional, e entrega ao adquirente.

O que é procurement?

Também conhecido como aprovisionamento, procurement é o serviço que estabelece relações entre fornecedores e empresas, permitindo que estas possam obter abastecimento logístico. A compra é baseada em planejamento por meio de pesquisa de mercado, negociação de contrato e avaliação de fornecedores, entre outros passos, nos quais se inclui a própria compra das mercadorias ou dos serviços.

Ainda tem dúvidas? Preencha o formulário, que iremos responder