Brasil renasce: uma nova fase para o comércio exterior brasileiro

O País se prepara para recuperar seu ritmo produtivo.
 
O ano de 2019 inaugura na economia brasileira um momento importante de transição. Após décadas de ênfase social, surge uma agenda baseada em princípios de mercado. O contexto acena com oportunidades para importadores nacionais e para exportadores estrangeiros.

Superada a instabilidade, o país ensaia recuperar sua capacidade produtiva. Rompendo com décadas de paradigma, desta vez a tarefa de criar e distribuir riqueza passa a ser de setores comerciais e produtivos. Para isso, o país prepara mudanças estruturais em sua orientação.

Em médio prazo, reformas nos setores previdenciário e trabalhista buscam reduzir os gastos estatais e os consequentes obstáculos ao crescimento. Enquanto isso, instituições legais planejam aumentar a segurança e a transparência, recuperando a confiança no país.

Em longo prazo, os planos tendem a contemplar investidores e empreendedores. Incluem simplificação da burocracia, da tributação e dos procedimentos para negócios. O ambiente é ajustado para se tornar cada vez mais amigável ao progresso.

Até o momento, esse projeto parece desfrutar de vontade política e de apoio popular. O país testemunha uma rara convergência sobre a necessidade de reformas e de soluções baseadas no mercado. O futuro prometido pode finalmente se concretizar. 

Todo esse movimento em breve beneficia as importações no país e as exportações para o país. A recuperação brasileira depende de capital, de tecnologia e de insumos estrangeiros. São recursos indispensáveis para que o Brasil alcance os resultados almejados.

Importadores nacionais e exportadores estrangeiros podem esperar redução de impostos e de burocracia. Na busca do crescimento, o mercado reduzirá suas barreiras protecionistas. Com dimensão continental e alto potencial, o Brasil poderá oferecer anos de excelentes negócios.

Embora promissor, importar e exportar ainda demanda gestão profissional. Gargalos logísticos, desafios burocráticos e complexidade tributária ainda serão realidade por longo tempo. Sem uma gestão, lidar com esses obstáculos pode ser difícil e até mesmo arriscado.

Para superar esses desafios, a WM TRADING fornece anos de experiência em gestão de importações e exportações. Know-how e planejamento profissionais, capazes de agregar segurança e rapidez. Tudo para aproveitar o melhor desse novo Brasil que começa a surgir.

WM TRADING, qualidade e excelência em comércio exterior.