Importações com o REIDI - Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura

Infraestrutura é basilar ao desenvolvimento do país. Para os importadores, é também uma oportunidade: eles podem aproveitar as vantagens do REIDI, o Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura.

O REIDI foi criado para favorecer o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Ele prevê incentivos fiscais para desenvolver os setores de energia, transportes, dutovias, saneamento básico e irrigação.

Em importações, os principais estímulos são a suspensão do PIS e do Cofins, retirando a alíquota de 9,25%. Isso cria uma oportunidade para encomendar equipamentos destinados a projetos de infraestrutura.

Importadores que atendam um projeto de desenvolvimento podem requerer as vantagens do REIDI. Com os descontos tributários, as importações ficam ainda mais vantajosas, aperfeiçoando a realização do projeto.

Alcançar esses benefícios, no entanto, demanda alta gestão profissional. O processo pode ser desgastante ao importador, para quem o projeto de desenvolvimento é a verdadeira atividade fim.

Desfrutar do REIDI exige detectar as portarias que permitem essa redução. Elas são expedidas ocasionalmente pelo governo. O importador precisa acompanhar essas portarias para se beneficiar delas. 

Além disso, aproveitar o REID exige lidar com uma burocracia complexa. O importador deve saber os procedimentos e permissões necessárias para se habilitar às vantagens do regime. 

Alcançar os benefícios do REIDI em importações exige gerenciar muitas variáveis e informações. Lidar com elas pode ser arriscado. Erros conduzem a atrasos, a multas e até mesmo a apreensões. 

Para desfrutar do REIDI com segurança, conte com a gestão da WM TRADING. Detectamos oportunidades e orientamos sua empresa a lidar com os trâmites necessários, alcançando os melhores benefícios fiscais do regime.

WM TRADING, qualidade e excelência em comércio exterior.

Matérias Relacionadas

Ops! Ainda não existe item cadastrado